Homenagem ao centenário do historiador José Honório Rodrigues (1913-1987) no Arquivo Nacional ‒ dia 24 de outubro, às 10 horas

Um dos mais importantes historiadores brasileiros, José Honório Rodrigues ocupou a cadeira nº 35 da Academia Brasileira de Letras e dirigiu o Arquivo Nacional de 1958 a 1964, quando foi destituído pelo regime militar. Professor de diversas instituições, tais como o Instituto Rio Branco, PUC-Rio, UFRJ e UFF, pesquisador, conferencista e autor de várias obras sobre a historiografia brasileira, Rodrigues deixou um importante legado para a pesquisa historiográfica e para a arquivística, uma vez que sua gestão no Arquivo Nacional influenciou decididamente no desenvolvimento técnico dos profissionais de arquivo brasileiros.

José Honório Rodrigues foi também diretor da Seção de Publicações e Obras Raras da Biblioteca Nacional e membro do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro, da Academia Portuguesa da História, da American Historical Association (EUA), da Royal Academy of History (Inglaterra) e da Sociedade Histórica de Utrecht (Países Baixos). Sua gestão no Arquivo Nacional foi marcada por reformas no serviço e um grande avanço técnico-administrativo, no esforço de mudar a situação em que encontrou a instituição, que convivia com sérios problemas de guarda e identificação documental, além da carência de pessoal técnico. A partir de então, José Honório começa a trabalhar pela formação técnica dos arquivistas, trazendo ao Brasil o mestre americano em arquivística Theodore R. Schellenberg e o diretor dos Arquivos de Sarthe, o francês Henri Boullier de Branche.

Para celebrar o centenário de José Honório Rodrigues, a Associação dos Servidores do Arquivo Nacional (Assan) promove no dia 24 de outubro, às 10 horas, uma mesa de debates com a presença do brasilianista Leslie Bethell (CPDOC-FGV) e do historiador e professor da Uerj Orlando de Barros.

O evento acontece no auditório principal do Arquivo Nacional, na Praça da República, 173, Centro, Rio de Janeiro. Os participantes receberão certificado de participação. A entrada é franca e não é necessária inscrição prévia.

Promoção: ASSAN – Associação dos Servidores do Arquivo Nacional. Apoio:ANPUH – Associação Nacional de História, ASBN – Associação dos Servidores da Biblioteca Nacional, AAERJ – Associação dos Arquivistas do Rio de Janeiro, CACO – Centro Acadêmico Cândido de Oliveira, Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s